Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fio de Prumo



Sexta-feira, 21.03.08

Chiu!!!

 

Fiz há dias 67 anos de idade. Não, não quero parabéns! Quero compreensão. Quero que a inteligência seja uma prenda para todos os meus leitores... os voluntários e os forçados!

 

Por razões que um dia, mais tarde ou mais cedo, virão a público não estou a escrever neste blog.

De momento ando muito ocupado.

 

Prometo voltar em breve. Tão breve quanto os afazeres me deixem.

 

Para todos, votos de Boa Páscoa e, como nesta quadra se comemora o renascimento, desejo a todos que o bom senso renasça com a força da Primavera, a alegria desponte com as primeiras folhas, a razão brote como os novos ramos rebentam nas árvores.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Luís Alves de Fraga às 21:17


9 comentários

De Jofre Alves a 22.03.2008 às 15:30

Passo com apreço para desejar uma Santa Páscoa e boa semana. Espero o seu regresso.

De Zé Tavares a 23.03.2008 às 11:41

Conte muitos e bons anos e que nós continuemos a ler os seus escritos sempre oportunos. Boa Páscoa. Aguardamos por si. Zé Tavares

De JCruz a 26.03.2008 às 17:15

Meu muito caro Fraga
Agora percebi a razão deste teu escrito.
Que a única coisa que te faça calar seja a falta de tempo, é o que te desejo,
com um abraço do
JC

De A. João Soares a 29.03.2008 às 11:04

Caro sr. coronel Luis Alves de Fraga,
Tive há pouco conhecimento do seu processo disciplinar e apressei-me a escrever um post em Do Miradouro <http://domirante.blogspot.com/> que desejo que leia, para saber que estou consigo e considero um abuso a reacção da FAP. Não se deve matar o miúdo da história que teve a coragem e a sinceridade de dizer que «o rei vai nu».
A lei da rolha devia já ter sido abolida, mas parece que está.a entrar novamente e em força.
Felicidades
Um abraço
A. João Soares

De António José Mendes Dias Trancoso a 31.03.2008 às 14:12

Caro Senhor
A Frontalidade, virtude militar, passa a pecado quando um dos interlocutores dela se esquece ou a arruma no fundo da gaveta das conveniências.
O Coronel Alves de Fraga errou na avaliação que terá feito da Formação das entidades responsáveis pela dignificação da Condição Militar.
A Medíocridade nunca estende a mão à palmatória; pelo contrário, abusivamente, apropria-se dela para "castigar" quem a revela.
Mas, a procissão, ainda vai no adro...

De Manuel Custódio de Jesus a 30.03.2008 às 12:54

Caro camarada;cor Luis Alves de Fraga.
Sou SMOR, da Armada, na situação de reforma, e venho por esta forma manifestar-vos a minha sincera solidariedade pela humilhação a que o Chefe da Força Aérea o está a querer submeter.
Manuel Custódio de Jesus
Almada

De Ambrósio Lopes Vaz a 12.04.2008 às 18:40

Li vários artigos no blog do Sr. Luís Alves de Fraga. Este grande Senhor, fez 67 anos em Março e eu fiz 76 também em Março. Não tenho estudos. Fiz a 4ª classe de adultos em 1958 e desde aquela data, gostei de conhecer um pouco do mundo que nos rodeia, através de livros, jornais e meios de comunicação. Encontrei nos escritos deste militar um grande manancial de cultura. Que maravilha! Este Oficial defende a sua classe e as classes laboriosas. Pelo que me apercebo as chefias militares não vêem com bons olhos os Artigos esclarecedores deste seu Camarada Militar. No tempo do fascismo, o Salazar punha uma rolha na boca de toda a gente. Os jornais eram censurados. Os militares eram o sustentáculo da Ditadura e foram eles que lhes puseram termo. É a eles que devemos a Liberdade. Foi um punhado de Militares de Acção e Carácter, como o Brioso Oficial Luís Alves Fraga, que levaram a cabo tão espinhosa Acção, porque os da Brigada do Reumático lutavam para manterem o Povo oprimido. Mas os Obreiros daquela gloriosa Jornada foram arrumados e até esquecidos e perseguidos. Luís Fraga que devia de ser acarinhado e ajudado a levar para a frente a sua Obra de Cultura que está a dar ao seu Povo é encostado ás cordas. Porquê? Noutros tempos apareciam aqueles jogos sujos, dos Santos Costa, Cazal Ribeiro, Tenreiro etc. que atacavam cobardemente os Camaradas Opositores a Salazar, como Varela Gomes, Galvão, Delgado, Godinho, Artur Mirandela, Pimentel e tantos outros.Será que voltamos a esses vergonhosos tempos? É proibido dizer a Verdade? Será esse o caminho que trás Cultura para o Povo? Ambrósio Lopes Vaz -Matosinhos

De Sonia Ribeiro a 07.06.2008 às 12:13

Ex.mo Sr. Coronel Luís Fraga
Nunca tivemos oportunidade de nos conhecer embora o senhor tenha sido o meu padrinho de baptismo na Beira Moçambique em 1973. Sou filha de um antigo funcionário da forca aérea o João Ribeiro do Geres. Aproveito este seu contacto no blog para lhe desejar duas vezes parabéns ! 1) pelo seu aniversario 2) pelo que tem contribuído para que Portugal seja, de facto, um pais democrático .

De Luís Alves de Fraga a 07.06.2008 às 14:53

Sónia,
De facto, não tive nunca oportunidade de ter o prazer de te conhecer. Às vezes os homens tecem teias que nem Deus a desfaz!... E eu de divino nada tenho!
Soube, há muitos anos, que cursavas a Universidade de Trás-os-Montes, segundo me parece. Creio que um curso de Engenharia. Poderei estar errado, se calhar.
Gostava de te escrever.
Se quiseres e te for possível manda, pela mesma via (que evidentemente não publicarei), o teu endereço de e-mail.
Agradeço-te muito as simpáticas palavras que quiseste aqui deixar-me.
Um grande beijinho do teu padrinho totalmente ausente

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Março 2008

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031