Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fio de Prumo



Quinta-feira, 30.08.07

No segundo aniversário: um balanço

 
Passa hoje, dia 30 de Agosto, o 2.º aniversário do «Fio de Prumo».
Pode parecer pouco, pode parecer muito. Depende do ângulo pelo qual se olha a questão.
Para mim, na minha idade, parece-me que foi ontem que comecei a escrever para aqui, mas, tomando em conta os números que os diferentes serviços de estatísticas — contador de visitas e apoio do servidor — chego à conclusão de que já deixei muitas páginas lançadas na blogoesfera. Pelos meus cálculos, devem andar por mais de três centenas.
Com efeito, até ao presente momento, tenho 155 postagens que mereceram 696 comentários dos meus leitores. Segundo o registo no servidor do contador de entradas, o «Fio de Prumo» teve, nestes dois anos, 61 268 visitantes, embora, para o público a contagem seja de 54 363 (mistérios que não são facilmente explicáveis). Arriscando-me a uma conta simples, concluo que este blog foi visitado, na média diária, nestes dois anos, cerca de 84 vezes em cada 24 horas.
Estes números deixam-me satisfeito. Acho que cumpri uma missão junto de quem por aqui passou. Tenho, naturalmente, de agradecer aos meus leitores a sua infinita paciência nestes 730 dias.
 
Ultimamente — de há vários meses a esta parte — tenho sido menos assíduo nas minhas postagens, mas, por razões que não vou trazer a público, ando empenhado em projectos que me ocupam e absorvem, quase em absoluto o pensamento. Desde o mês de Junho durmo, em média por noite, cerca de 5 horas, de modo a poder sentar-me à secretária às 6 da manhã com os pensamentos mais ou menos frescos. Em Setembro recomeçam as aulas em toda a sua plenitude e tenho de estar disponível para a leccionação; isso obrigou-me a, nos chamados meses de «férias», trabalhar com maior afinco. O «Fio de Prumo» saiu prejudicado. Mas prometo — neste momento que quero solene — que vou tentar estar mais atento e dar a todos quantos gostam de por aqui passar mais motivos para leitura.
 
Espero, daqui a um ano, poder ter garantido um serviço melhor para satisfação dos leitores e Amigos que me dão a honra de ler estas páginas virtuais cheias de problemas reais.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Luís Alves de Fraga às 21:15


12 comentários

De Fernando Vouga a 30.08.2007 às 22:59

Caro Luís Fraga
Um grande abraço amigo de...PARABÉNS. Tanto pela idadedo blogue como pela qualidade do conteúdo.

De António José Trancoso a 30.08.2007 às 23:30

Meu Caríssimo e Bom Amigo
Que dizer de um Acto de Cidadania (que ajudaste a renascer em Abril de 74) caldeado pelo Civismo, puro e duro, da Frontalidade?!
Bem Hajas!
Aceita o meu fraterno abraço.

De Paulo Cardoso a 31.08.2007 às 00:45

Obrigado pelo seu tempo e pelas suas reflexões, Sr Coronel.

De José a 31.08.2007 às 10:12

Como leitor assiduo do seu Blog quero deixar aqui os parabens, e o desejo que continue com este local de reflecção.

De HELDER MARQUES a 31.08.2007 às 11:59

PARABÉNS, meu caro Coronel Alves de Fraga, siga em frente para mais um ano e muitos mais que se seguem, é o meu desejo, um jovem que têm muita admiração por si.......
Helder Marques

De JPF a 31.08.2007 às 22:13

Os meus parabéns, mesmo atrasados, Sr. Coronel. Um seu assíduo leitor,
Jorge P. de Freitas

De António Viriato a 01.09.2007 às 11:38

Caro Amigo Alves Fraga,
Endereço-lhe também calorosos parabéns pelo seu segundo ano de participação neste imenso fórum, por vezes, pouco aproveitado para o que mais importa, a meu ver, que é despertar nos portugueses o gosto, o interesse de discutir os problemas actuais da sua sociedade, da Nação, como cada vez se ouve menos dizer.

Aqueles que têm um propósito mais sério com a sua intervenção na blogosfera, como o meu amigo claramente tem, não devem esmorecer ou desprezar a importância do meio, mas continuar, persistindo nesse propósito, que lá encontrará alguma utilidade, algumas mentes mais disponíveis para aceitar as suas ideias, as suas reflexões, apesar das naturais divergências que existem neste potencialmente vasto auditório.

Nulla dies sine línea, se puder…
Um abraço.

De Agapito a 01.09.2007 às 11:58

Penso ainda ir a tempo de lhe dar os parabéns pelas suas reflexões. Sou seu leitor assíduo embora nem sempre concorde com as suas opiniões. Com o regresso ás aulas espero que da preparação das mesmas sobeje algum tempo para prosseguir com os seus escritos . Cumprimentos. Agapito S.Carvalho

De Esterline a 02.09.2007 às 12:30

Meu caro Mestre, Professor e amigo Fraga.
Sinto-me obrigado em lhe deixar, aqui, as minhas breves palavras de parabéns. E, apesar dos seus afazeres, que nos dê, sempre, o prazer de ler em bom português os "problemas reais"da nossa sociedade.
Um bem-haja,
Esterline

De Davi Reis a 03.09.2007 às 16:54

Ai!, que falhei a congratulação no dia do aniversário! Tenho pena por não ter sido oportuno como gostaria, mas creio que ainda venho a tempo de dar os sentidos parabéns ao sagaz e querido autor do Fio de Prumo pelo segundo aniversário desta sua frente de batalha intelectual, de entre as várias em que combate.

Um abraço fraterno e muitos parabéns, professor!

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2007

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031