Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Fio de Prumo



Segunda-feira, 12.01.09

Está explicado!

 

 
Não temos que nos preocupar mais em tentar explicações para a cobertura política que o dito engenheiro José Sócrates dá à Prof. Doutora Maria de Lurdes Rodrigues.
Está tudo explicado no site da Biblioteca Nacional, pois ali se encontra, com relativa facilidade e paciência, que aquela senhora nasceu em 1956 — e no site do Governo também figura o dia do aniversário: 19 de Março — e, pasme-se, defendeu tese de doutoramento, no ano de 1996, no Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE) com o pomposo título: Os engenheiros na sociedade portuguesa: profissionalização e protagonismo. E note-se que não é pequena a dita tese… São dois volumes de texto. Presumo que se trata de uma profunda análise sociológica daquela profissão em Portugal.
 
Mais palavras para quê? Está tudo dito e explicado… A simpatia pelos engenheiros vêm-lhe de há mais de doze anos!
Depois desta experiência governamental, já que não tem que prestar provas de agregação, por as ter feito no mesmo Instituto, vai dedicar-se, de certeza, a reforçar, em longos trabalhos de rememoração, a componente do protagonismo dos engenheiros em Portugal. Do Sócrates ao Ferreira do Amaral…
 
E vivam os engenheiros portugueses, em especial os que cursaram na defunta Universidade Independente, porque tem uma cavaleira andante na figura de Maria de Lurdes Rodrigues que, pelos vistos, dedicou a sua actividade científica à investigação e leccionação da sociologia das profissões. Estranho é que nunca tenha feito ou publicado trabalhos sobre a profissão docente!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Luís Alves de Fraga às 14:38


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2009

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031